Por falta de pagamento Hospital da ATRA paralisa atendimentos pelo SUS

Na manhã desta segunda-feira 18, em entrevista ao programa Máxima Notícias, o diretor adminitrativo da Associação dos Trabalhadores de Ronda Alta – ATRA, esteve falando sobre a paralisação parcial das atividades no hospital. Ouça a entrevista:

Abaixo ofício sobre a paralisação das atividades bem como os motivos em que levaram a decisão:

A Associação dos Trabalhadores de Ronda Alta – ATRA, situada na Rua Júlio de Castilhos, nº 223, na cidade de Ronda Alta, prestadora de serviços na área da saúde, vem através deste informar que estaremos paralisando os atendimento eletivos SUS – consultas, internações, cirurgias e exames, devido à falta de pagamento por parte do governo do Estado, das competências setembro, outubro, novembro, dezembro de 2018 e janeiro de 2019, bem como 14 meses da parcela estadual do SAMU, que soma um total de R$ 1.452.784,42.

O paciente que necessitar de atendimento deverá haver um contato prévio com o hospital, cujo encaminhamento se dará de forma particular, paga pelo paciente ou ordem de pagamento por escrito com carimbo e assinatura do secretário(a) municipal de saúde ou seu representante para posterior faturamento no município de origem.

Solicitamos que não façam agendamentos via SISREG para nossa instituição até obtermos uma posição do Estado para normalizar nossos atendimentos.

Gostaríamos de contar com a compreensão, pois este transtorno é de forma involuntária por parte do hospital.

 

Cordialmente,

Severino José Balbinot

Diretor Administrativo

Hospital Atra