Policia Civil de Sarandi soluciona roubos a residências e de veículos ocorridos em Sarandi e região

Durante investigações realizadas pela Delegacia de Polícia de Sarandi foi possível identificar uma quadrilha que agia em várias cidades desta região. Após várias diligências iniciadas desde o primeiro roubo à residência em Sarandi, no dia 17/03/2017, e logo depois outro roubo à residência, no dia 20/03/2017, onde foi roubado além de objetos da casa, um veículo Gol, que após alguns meses foi localizado clonado em Passo Fundo.

Posteriormente, no dia 25/05/2017, houve um roubo a residência adiante da Vila Santa Gema, em Sarandi, e na ocasião houve perseguição pela Brigada local, onde os assaltante acabaram fugindo.

Durante buscas e prisões em um local de Passo Fundo, além das prisões, foram encontradas jóias de vítimas de roubos perpetuados pela quadrilha.

Durante a investigação houve uma prisão em flagrante por tráfico de drogas da companheira de um dos assaltantes, em Sarandi, e no mesmo dia um veículo Corola foi recuperado, o qual havia sido roubado em Não-me-Toque.

Com várias diligências, numa delas foi recuperado um Siena, roubado em Três Palmeiras, na reserva indígena de Ronda Alta (em Alto Recreio) e na ocasião também foram apreendidas mais de dez armas (entre espingardas e revolveres), que foram entregues pelo indígenas. Também neste local foi encontrado um Astra com ocorrência de roubo no Paraná.

Foi apurado pela investigação da DP de Sarandi, coordenada pelo Delegado de Polícia Leandro Antunes, que a quadrilha participou de roubos em Sarandi, Rondinha, Três Palmeiras, Não-me-Toque, Victor Graef e Sertão, sendo identificado cinco assaltantes. Os presos são da cidade de Passo Fundo e de Sarandi, sendo que o líder da associação criminosa era um detento do regime semi-aberto de Sarandi.

Identificada quadrilha que cometeu roubo em boate no Beira Campo e bar em frente ao Frigorífico Aurora, em Sarandi, e roubos a boate e restaurante em Ronda Alta

Em investigações pela Delegacia de Polícia de Ronda Alta, sob coordenação do Delegado Leandro Antunes, foi identificado quadrilha que cometeu roubos, com agressões, nas cidades de Ronda Alta e Sarandi, sendo as prisões realizadas em Pontão, no dia 08/08/2017, e Passo Fundo, no dia 10/08/2017 e um dos presos acabou sendo preso antes por violência doméstica, alguns dias antes de ser preso pela Polícia Civil de Ronda Alta. O inusitado da ação dos bandidos é que durante os roubos um dos assaltantes usava faca, adaga, facão ou espeto com os quais sempre agredia os proprietários e clientes dos locais, além de armas de fogo. Durante o roubo a um restaurante em Ronda Alta, a ação dos meliantes foi toda registrada pelo sistema de monitoramento.